segunda-feira, 26 de outubro de 2015

LENDAS DO DISTRITO DA GUARDA

Estive ausente deste espaço um ror de tempo, eu sei. É hábito acontecer disto, porque nem sempre estou de pachorra, embora os visitantes deste blogue mereçam a minha assiduidade.
O que aconteceu?
Simplesmente estive atarefado - e ainda estou - com uma série de publicações que fazem deste meu afã qualquer coisa como um editor (com chancela e tudo, a "Sete Vidas"). Entre o último post e este, lancei quatro títulos, alguns como 4ª, 5ª e 6ª edições e este que agora aqui reproduzo como 1ª edição.
As LENDAS DO DISTRITO DA GUARDA  é um livro com duas lendas por página, com ilustrações a cores por cada uma, distribuídas por 14 concelhos, em 100 páginas.
Trata-se de um livro com o formato 21,5 x 30,5 cm, cartonado em cartão de 2,5 mm, em papel couché brilho de 135 gr.

As lendas têm a particularidade de terem a caixa de texto de cada uma rigorosamente igual às restantes (sem fugir aos pormenores da etnografia do texto), com uma gravura a cores para cada uma delas e, embora contrariado, escrita ao abrigo do Novo Acordo Ortográfico, porque a obra é também para ser lida por jovens em idade escolar e poderia causar confusão lerem a ortografia anterior.
Teve o apoio de 7 dos Municípios do distrito, através da aquisição de alguns exemplares, o que aliviou um pouco o custo gráfico; os restantes municípios, com as suas justas razões, responderam que não estavam interessados em adquirir exemplares, sendo que um deles disse nada, nem sim nem não.
Voltarei com as outras publicações e algumas novidades, designadamente mais textos da enciclopédia alegre que já apontei em posts anteriores.
Deixo aqui a capa e a contracapa do livro, chamando a atenção para a "publicidade" que coloco na badana direita deste blog.

Sem comentários:

Enviar um comentário